• Portal Rap Nas Caixas

Orochi diz que só assina com gravadora por R$20 milhões. Confira:


Orochi diz em Flow Podcast, que só aceitaria contrato com gravadora, se o valor fosse de 20 milhões de reais.

Ele não para! Depois de ter mandado indireta para Meno Tody, Orochi diz que aceitaria ir para uma gravadora, caso a mesma pagasse seu valor. Quem lembra de quando o Kyan disse sobre as produtoras nas pagarem o devido valor para seus artistas? Na época, o assunto não gerou tanto comentário, mas fizemos uma matéria que abordava o assunto:

"Kyan disse pelo Twitter que os artistas da favela conseguem fazer 40 milhões de visualizações, e ainda sim continuam pobres. O assunto não repercutiu o suficiente para gerar burburinho, mas foi o suficiente para entendermos que é um assunto que incomoda.


"Brasil é o lugar onde uns artistas que saem da favela fazem mais de 40 milhões de views em músicas e continuam pobres, por falta de educação, informação e por ser muito inocente diante das produtoras."

Orochi por sua vez, falou abertamente sobre o assunto, e com toda razão, deveria colocar seu valor em números altos. Diversos artistas já se pronunciaram indiretamente sobre o tópico, visto que, gravadoras e produtoras conseguem o triplo com a imagem de artistas. Lembram da Anitta que teve um processo contra a K2L, onde sua empresária teve problemas com a gestão? Além da Lexa também ter tido problemas em relação a contratos feitos no início de sua carreira.

É notório que nos últimos anos, artistas reconheceram seus valores, impondo mais seus direitos, e entendendo sobre questões mais burocráticas de suas obras. Taylor Swift, também teve problemas com sua antiga gravadora, não podendo cantar suas próprias obras. Ou seja, o que o rapper está passando para seu público, que 20 milhões seria um pequeno grande investimento, tendo em vista que as gravadoras conseguiriam bem mais em artistas sertanejos.

Sendo assim, o artista também entra para o grupo de rappers que veem a falta de informação, como um aliado às gravadoras. Artistas que fazem estrondo nas paradas digitais, deveriam obter bastante lucro em cima das suas obras, e não apenas suas gravadoras. A situação é recorrente, ainda que seja exposta por grandes personalidades musicais.

Por fim, podemos ressaltar que a desvalorização dos artistas que conseguem hits, e ainda sim continuam pobres, é bem comum, tendo em vista que colocamos como indicativo de sucesso, a entrada para grandes gravadoras (que muitas vezes sugam seus artistas, até não poderem mais).